Páginas

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Vídeos e Filmes Pornográficos Caseiros

Cada vez mais, através da internet, a portabilidade é visível. Atualmente podemos postar fotos, vídeos, músicas, textos e tudo o mais na internet. Cada vez mais podemos mostrar nossos trabalhos para que os usuários desta vasta sociedade online possam ver e gostar. Ou não. E com isso, cada vez mais a censura é menor, tendo gente mostrando o que deve e o que não deve mostrar de si.
No caso do público “adulto” (reparem nas aspas) o acervo de conteúdo tem crescido assustadoramente. Os sites pornográficos e eróticos são junto aos “justin bieber” e “puta falta de sacanagem”, as coisas mais pesquisadas no Google. São tão assustadores que, por dia, em site “adulto”, são upados mais de 150000 vídeos, por usuários distintos. Claro que a maioria são gravações ripadas de filmes adultos catalogados ou cenas eróticas de filme, mas grande parte é destinada a vídeos que usuários, com um nível de imbecilidade superior, movidos por alguma força de retardo mental, decidem subitamente fazerem vídeos pornôs com seus parceiros ou suas parceiras.
Se você já conhece toda essa história, acha normal e me pergunta “qual é o problema?” você não deve ter lido o parágrafo acima. O problema está no ato de alguém pensar em fazer um vídeo pornográfico amador sozinho ou com seu parceiro.
Eu até aceito os abestados e sem roteiro filmes pornôs, gravados por “empresas publicitárias” como Brasileirinhas ou Sexxxy. Aceito porque as pessoas que gravam e fazem aquela merda assinam um contrato, sabem da quantidade imensa de gente que vai assistir, ganha uma alta grana e faz lá as coisas dos filmes pornôs. (não vou ficar detalhando tudo, pois este blog é um blog de família e não um blog adulto)
Para além disso, existem as criaturas que decidem, por algum problema, imitálos, fazendo seus próprios vídeos pornôs. Eles não ganham dinheiro, não ganham fama... Eles fazem e não medem as conseqüências. Eu não acharia legal, se eu estivesse namorando, gravar o meu momento íntimo e especial da relação sexual para upar na internet e mostrar minha namorada como objeto sexual de quem lá se sabe. Eu não acharia legal me expor ao máximo, de forma animal e idiota, só para conseguir views para um vídeo flv. Eu também não entendo como que acontece. Eu imagino a cena...
Estou eu e a mulher, próximos a começar a relação sexual, quando de súbito, eu digo:
- Amor, espera um pouco, deixa eu pegar a câmera.
Gente, assim não dá! Uma mulher que aceita isto se assemelha a um gambá domesticado! Além de ser broxante, é sem noção você comprar um aparato vídeográfico para usar gravando suas relações sexuais!
Para acabar, pois este post ficou grande, só aconselho vocês a não fazerem estas merdas quando der na telha. Tem coisas suas que ninguém precisa ver!


Ass.: @lgr2k9

3 comentários:

  1. Onde assino?
    Falou tudo que penso.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. E aí cara, tudo bem? Vi seu blog numa comunidade do orkut sobre troca de banners. Envie seu banner para o meu blog para a gente ser parceiro de banner. Está aí o meu blog:
    http://diazdezumbi.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Simples, muito simples.
    No momento que A(gordo, feio, ñ pega ninguém, virgem) pega B(gostosa pra caraio, loirinha, peito durinho), ele quer espalhar para C, D,[...],Z para dizer que é o maioral, pegador. Por outro lado, B vê nisso uma oportunidade de fama rápida. Pessoas assim deveriam ser banidas da face da Terra! Se juntarem 5 não dão nem a inteligência de um humano normal. O máximo que elas conseguem na vida são uns "reality show" tipo "BBB" e "A Fazenda"

    ResponderExcluir